01 de Agosto 21:11
Campanha Salarial Nacional dos Bancários 2012 está nas ruas

Entre as principais reivindicações da Campanha deste ano estão aumento real; piso de R$ 2.416,38; PCCS para todos os bancários - entre outros itens.

Pricilla Beine
Do Seeb Brasília

A Campanha Nacional dos Bancários 2012 está nas ruas. Em Brasília, o Sindicato promoveu o lançamento nesta quarta-feira 1º de agosto, na Praça do Cebolão, no Setor Bancário Sul, num grande ato que reuniu centenas de bancários e clientes e contou com apresentação da banda Caras e Bocas e do mágico e comediante Gabriel Louchard.

O evento marca o dia da entrega da pauta de reivindicações gerais dos bancários à Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) e das específicas dos trabalhadores do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal, que aconteceu no fim da tarde, em São Paulo.

“Como vem acontecendo em anos anteriores, a previsão é de que esta campanha seja muito dura”, apontou Rafael Zanon, secretário de Assuntos Jurídicos do Sindicato. “Os banqueiros detêm o controle financeiro e têm ampla penetração na grande mídia, então já esperamos que a choradeira deles venha forte. Só que os lucros exorbitantes mostram que têm mais do que o necessário para atender às nossas reivindicações”, defendeu.

Entre as principais reivindicações da Campanha deste ano estão aumento real; piso de R$ 2.416,38; Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) para todos os bancários; PLR maior; fim das metas abusivas e combate ao assédio moral; mais segurança nas agências e postos bancários, além de igualdade de oportunidades.

“Ele” é desmascarado

Durante o ato, numa apresentação do mágico e comediante Gabriel Louchard, foi desmascarada a figura misteriosa que apareceu no site, nas redes sociais e nos informativos do Sindicato, assim como foram revelados os seus truques para enganar os bancários e a sociedade.

“Chega de truques, banqueiro!’ é o tema da Campanha Nacional deste ano. Nós convidamos um mágico para estar aqui e denunciar, de forma lúdica, embora seja um assunto sério, os truques dos banqueiros com os salários, os empregos dos bancários, sem contar o que fazem com a população, como na cobrança abusiva de tarifas cada vez mais altas e de juros exorbitantes”, explicou Garcia Rocha, diretor do Sindicato.

“Os bancários vão desmascarar os banqueiros e todos os truques utilizados por eles para enganar o trabalhador e a população”, reforçou Wandeir Severo, diretor do Sindicato. “Nós vamos lutar contra tudo isso. A intenção dos bancários é responder com luta, por melhores condições de trabalho, por mais segurança nas agências, por aumento real, por mais empregos, entre outros pontos”, completou.

O diretor do Sindicato Wadson Boaventura, que integra a Comissão de Gênero, Raça e Orientação Sexual da Federação Centro Norte, cobrou mais igualdade de oportunidades. "É preciso acabar com a discrimição, seja por raça, gênero ou orientação sexual, e vamos lutar muito para avançar nesta questão na Campanha Nacional deste ano".

O presidente do Sindicato e da Central Única dos Trabalhadores do Distrito Federal (CUT-DF), Rodrigo Britto, também participou do lançamento da Campanha Nacional 2012. “Chega de truque com o salário: aumento real; chega de truque com os direitos: vales refeição e alimentação maiores; chega de truque com o emprego: fim da terceirização; chega de truque com a saúde, fim das metas abusivas e do assédio moral”.

deBrasília.com.br - todos direitos reservados ©
Para anunciar: comercial@debrasilia.com.br    Tel:(61) 8150-0256
Para envio de material/releases: contato@debrasilia.com.br
Desenvolvido por MadMídia