11 de Julho 21:39
Corregedoria da Câmara aprova pedido de cassação do deputado Carlos Leréia por envolvimento com Cachoeira

A comissão de sindicância também analisou o envolvimento dos deputados Sandes Júnior (PP-GO) e Rubens Otoni (PT-GO) com Cacheira, mas decidiu pelo arquivamento das representações contra ambos.

Danilo Macedo
Repórter da Agência Brasil

Brasília - A Corregedoria da Câmara dos Deputados aprovou hoje (11) parecer que recomenda a cassação do mandato do deputado Carlos Alberto Leréia (PSDB-GO) por envolvimento com o empresário Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira. O parecer ainda será submetido à Mesa Diretora da Casa e, se aprovado, será encaminhado ao Conselho de Ética.

O deputado Jerônimo Goergen (PP-RS), relator do caso envolvendo Leréia na comissão de sindicância, disse que encontrou, nas gravações telefônicas a que teve acesso, “indícios significativos” que embasam sua decisão de pedir a cassação do mandato do deputado. “Vai além da amizade pessoal. É uma relação de favorecimento recíproco. Posso afirmar que existe indício muito forte de que essa relação não é uma relação à altura de um parlamentar”.

A comissão de sindicância também analisou o envolvimento dos deputados Sandes Júnior (PP-GO) e Rubens Otoni (PT-GO) com Cacheira, mas decidiu pelo arquivamento das representações contra ambos. “Foram arquivados porque a comissão entendeu que não haviam provas suficientes para mandá-los ao Conselho de Ética”, disse o corregedor da Câmara, deputado Eduardo da Fonte (PP-PE).

deBrasília.com.br - todos direitos reservados ©
Para anunciar: comercial@debrasilia.com.br    Tel:(61) 8150-0256
Para envio de material/releases: contato@debrasilia.com.br
Desenvolvido por MadMídia