10 de Março 10:06
Mulheres são maioria no cadastro da habitação do DF

Dos 375.960 inscritos no "Minha Casa, Minha Vida/Morar Bem", 209.702 pertencem ao grupo feminino

  • Reprodução
  • É cada vez mais comum encontrar mulheres batalhadoras que correm atrás de sonhos e de um futuro melhor. O programa "Minha Casa, Minha Vida/Morar Bem" do GDF, em parceria com o governo federal, mostra bem essa realidade e aponta que elas são a maioria no cadastro de habitação do DF.

     

    Dados do registro, coordenado pela Secretaria de Habitação, Regularização e Desenvolvimento Urbano (Sedhab) e Companhia de Desenvolvimento Habitacional (Codhab), indicam que, dos 375.960 inscritos no programa, 209.702 são mulheres, ou seja, 55,77% do total.

     

    Para o secretário de Habitação, Geraldo Magela, o fato demonstra a preocupação da mulher com o futuro da família. "Geralmente são as mulheres que têm o sonho de conquistar a moradia própria para a família, garantindo o futuro dos filhos. E elas correm atrás. Muitas delas sem o apoio de um companheiro", acredita o secretário.

     

    Fonte: Agência Brasília

    deBrasília.com.br - todos direitos reservados ©
    Para anunciar: comercial@debrasilia.com.br    Tel:(61) 8150-0256
    Para envio de material/releases: contato@debrasilia.com.br
    Desenvolvido por MadMídia